Conexão Shawn Mendes – Sua melhor fonte brasileira sobre o cantor Shawn Mendes » Entrevista

Destaques

Shawn Mendes revela metas para o próximo ano e fala sobre realizações profissionais em entrevista à Teenage
11
dez
postado por
Categoria
Entrevista

Provocando uma onda de histeria por onde passa, a estrela da nossa capa de dezembro Shawn Mendes provou o porquê de ser um dos maiores fenômenos adolescentes da atualidade.

Shawn Mendes é uma espécie de “rockstar moderno” da nova geração – um título do qual ele parece se orgulhar. Durante uma entrevista exclusiva nos bastidores de seu show em Singapura, ele falou sobre a carreira e o sucesso apesar da pouca idade. Com apenas 19 anos de idade, basta acompanhar a performance do cantor canadense num palco para se convencer de seu inegável talento nato.

E é porque estamos cientes do efeito que ele causa nas pessoas que não nos surpreendemos com os cerca de cinco mil fãs nos recebendo com saudações ensurdecedoras e o zumbido esmagador de uma multidão surpreendentemente diversificada. Desde os namorados acompanhando suas parceiras até os pais tomando conta das filhas aos prantos, os “Mendes Army” eram só entusiasmo durante a apresentação de Shawn, que subiu ao palco ritmado pelos acordes do seu hit mais recente, “There’s Nothing Holdin’ Me Back “ (música que agitou o público e transformou o ambiente numa grande festa).

Munido com uma de suas inúmeras guitarras, o dono de vocais perfeitos transita pelos seus grandes sucessos como “Life of the Party”, “Three Empty Words” e “A Little Too Much”. Mas é em “Bad Reputation” que a atmosfera assume maior profundidade – a música é, inclusive, definida por ele como “visualmente grandiosa”. Destaque também para a apaixonante “Mercy”, ainda mais incrível devido à iluminação e responsável por boa parte das lágrimas e gritos.

Enquanto mantinha seu público entretido e interagia com ele sempre que possível, Shawn parecia saber exatamente como conduzir o coro de vozes que se juntava à dele. Neste cenário, até mesmo os menores detalhes despertam a euforia dos fãs  – os sorrisos radiantes do canadense ao final de cada música são um exemplo perfeito disso.

E se levarmos em conta os meros três anos de experiência de Shawn, é ainda mais surpreendente a sua postura profissional. Com uma coleção de prêmios conquistados, uma base de fãs devotada e agora uma visível influência global, nos perguntamos o que está por vir para Shawn Mendes em 2018, algo que ele tenta responder durante sua entrevista para a Teenage Magazine.

 

(Foto: Ambry Nurhayati / Bandwagon)

 

Essa é a sua primeira turnê em arenas e também seu primeiro show em Singapura. Como você se sente com tudo que está acontecendo?

Shawn: É maravilhoso! Meus fãs de Singapura vem me pedindo para vir há algum tempo e eles parecem realmente animados, então estou feliz também de estar aqui

O que você achou de Singapura? Já provou alguma de nossas comidas típicas?

Shawn: “Tem sido ótimo, eu amei estar aqui. É muito similar ao ocidente, a maioria das pessoas fala inglês e me faz sentir em casa mesmo eu estando bem longe do Canadá. Em relação à comida, eu praticamente não provei nada ainda. Acho que estou tentando não me aventurar demais porque tenho medo. Se algo aqui for similar ao Durian (uma fruta típica conhecida por ter um cheiro desagradável), eu prefiro jamais comer.

Você recebeu inúmeros conselhos do Ed Sheeran e Taylor Swift no início de sua carreira. O que você diria para um jovem músico que está tentando conquistar espaço nas redes sociais?

Shawn: Apenas escreva sobre o que você acredita e cante o que gosta, porque se você fizer com a sua carreira algo que não goste apenas para tornar-se reconhecido, isso não funcionará de verdade.

Até o ano passado você era um adolescente. O que o Shawn de agora diria para o Shawn de treze anos?

Shawn: Eu diria a ele para se acalmar e que as coisas vão funcionar. Acho que você não consegue pensar com clareza quando tem treze anos, tudo te assusta.

O mundo todo é apaixonado pelo seu relacionamento com Camila Cabello. Vocês dois não são um casal, mas eu gostaria de te perguntar: Você acha que Camila seria uma boa namorada?

Shawn: Com certeza! O próximo cara que se apaixonar por ela deveria pedi-la em casamento. Camila é uma amiga maravilhosa e eu a amo. Ela tem um grande senso de humor e é uma das pessoas mais determinadas que já conheci.

O que você acha sobre os novos singles dela?

Shawn: Eu adoro, são músicas ótimas! Acho “I Have Questions” e ‘Havana’ maravilhosas, e ‘Never Be The Same’ é incrível também. Eu tive a oportunidade de ouvi-la antes do lançamento e não consigo mais parar de escutar.

Alguns fãs achavam que Camila Mendes [atriz da serie Riverdale] era o nome do seu ‘shipp’ com Camila Cabello . Você gosta de Riverdale? E qual casal você prefere: Verônica (Camila Mendes) e Archie (K.J Apa) ou Betty (Lili Reinhart) e Jughead (Cole Sprouse)?

Shawn: Acho que eu shipparia Veronica e Archie.Na verdade eu vi essa historia envolvendo a Camila Mendes e achei bem engraçado.

Ed Sheeran é claramente uma de suas maiores referências. Você já considerou a possibilidade de gravar um dueto com ele? Existe alguma outra parceria na qual você tem interesse?

Shawn: Eu iria amar ter uma música com o Ed! Nós já conversamos sobre isso algumas vezes, mas nossas agendas fazem com que a gente nunca esteja no mesmo lugar, então é complicado. Sobre fazer parcerias, são muitos os artistas com quem eu adoraria trabalhar… Acho Khalid fantástico e seria incrível poder gravar com Alicia Keys e Bruno Mars também.

Nos fale sobre seus projetos futuros. Podemos esperar por um terceiro álbum?

Shawn: Sim, venho trabalhado bastante nisso ultimamente. Sempre estou escrevendo novas músicas e garanto que o CD será lançado em breve. Mas não posso dar detalhes ainda. Talvez eu grave algumas parcerias, mas realmente não posso falar muito sobre isso.

Você já falou algumas vezes sobre controlar o que posta nas redes sociais, porque a internet pode ser um lugar negativo e tóxico. Porém, é claro que às vezes é inevitável dizer certas coisas. Como você encontra o equilíbrio entre expressar suas opiniões e decidir o que não deve tornar público?

Shawn: Essa é uma pergunta ótima. Eu não acredito que haja um método para encontrar o equilíbrio, mas acho que as redes sociais são melhor utilizadas quando você é positivo e faz uso dela para enviar mensagens positivas. Quando isso acontece, acaba se tornando algo maravilhoso para fazermos parte. No entanto, quando há negatividade e ódio na Internet, isso afunda as pessoas em mais coisas ruins, afetando elas e quem as cerca. Acho que eu simplesmente prefiro espalhar boas ideias, e guardar as opiniões ruins somente para mim.

Não é exatamente um segredo que você detesta tomates. Se tivesse que escolher entre comer um tomate inteiro ou perder uma queda de braço para o Charlie Puth, qual opção você escolheria?

Shawn: [Risos] Provavelmente preferiria perder uma queda de braço para o Charlie, mesmo sabendo que isso nunca aconteceria de verdade.

Estamos na reta final da sua turnê. Quais os seus planos para 2018?

Shawn: Eu não sei muito bem, meu projeto para o próximo ano é, basicamente, continuar com a música e lançar um álbum melhor do que tudo que eu fiz até agora.

2017 foi um grande ano para você – músicas no topo das paradas, vários prêmios, sua turnê … Qual foi a sua maior realização pessoal?

Shawn: Essa é uma pergunta difícil. Eu diria que provavelmente a turnê é uma das minhas memórias preferidas porque foi muito divertida. Toda vez que eu saio do palco e sei que o show foi bom, independente de estar tocando na Europa, no Canadá ou em Singapura, é o melhor sentimento do mundo.

Nenhum Comentário
Em entrevista para o ‘The Newpaper’, Shawn Mendes fala sobre Camila Cabello e um possível novo cd para 2018
10
dez
postado por
Categoria
Entrevista

Apesar dos fãs sempre terem esperado que Shawn Mendes, de 19 anos, e Camila Cabello, de 20 – com quem o cantor canadense gravou o sucesso “I Know What You Did Last Summer” em 2015 – tivessem um relacionamento amoroso, Mendes explica que isso nunca aconteceu. “Somos apenas bons amigos, eu a amo e ela é uma das minhas melhores amigas”.

“Ela tem um senso de humor incrível e é, provavelmente, a pessoa mais determinada que eu conheço. O cara que encontrá-la deveria se casar com ela”, ele disse ao The New Paper em uma entrevista concedida no ultimo sábado, antes de realizar seu primeiro show em Singapura.

Ainda sobre Camila, Mendes disse adorar o trabalho que ela vem fazendo, e que está viciado no último e incrível lançamento da amiga, “Never Be The Same”, que ele ouviu antes de todos.

Mendes não experimentou muitos pratos locais porque ele segue algumas “medidas de segurança” após ter provado uma fruta típica chamada durian. “Se as demais comidas são como essa fruta, eu nunca vou comer nada do tipo”, disse ele enquanto ria. Em Singapura pela primeira vez, Shawn confessa ter se encantado pelo local: “Eu amo este lugar, é bastante ‘ocidentalizado’. Praticamente todo mundo fala inglês, o que é ótimo e faz parecer que estamos próximos de casa. ”

Cantando para uma arena lotada com aproximadamente cinco mil pessoas, o astro canadense é acompanhado pelos gritos e a euforia das fãs durante os noventa minutos de apresentação – o que acontece, especialmente, quando ele mexe no cabelo e desce do palco para interagir com  algumas meninas sortudas na platéia.

“Quando entrei no aeroporto de Singapura, não acreditei que tantas pessoas estivessem ali só para me receber.”, contou ele à multidão, causando risos.

Além de seus inúmeros sucessos, Shawn também cantou um pequeno trecho de “Caste On The Hill”, de Ed Sheeran, enquanto tocava piano. A canção  integra um mashup do cantor envolvendo seu primeiro single da carreira, “Life Of The Party”.

Ainda que “Bad Reputation” seja a sua favorita para performar e também a com maior impacto visual devido ao jogo de luzes no ápice da apresentação, foi graças a “There’s Nothing Holdin’ Me  Back” que Shawn Mendes entrou definitivamente para o hall dos jovens músicos de sucesso. Graças ao sucesso da música, Shawn venceu a categoria de “Best Song” do MTV Europe Music Awards (EMA), levando um total de quatro prêmios pra casa. Sobre essa experiência, ele relembra: “Foi insano. Eu nem esperava ganhar, muito menos a categoria de ‘Best Artist’. Foi maravilhoso.”

Com 2017 se encaminhando para o fim, Mendes disse que sua resolução de Ano Novo é “continuar compondo e lançar um álbum melhor do que meus dois CDs”. Dando sequência à Handwritten (2015) e Illuminate (2016), disco que deu o nome à sua turnê, ele brincou: “Estou escrevendo tantas músicas quanto possível e haverá um terceiro álbum muito em breve.”

Fonte | Tradução e Adaptação: Conexão Shawn Mendes.

Nenhum Comentário
SHAWN MENDES FALA SOBRE COLABORAÇÕES PARA SEU TERCEIRO DISCO
06
dez
postado por
Categoria
Entrevista

Shawn Mendes passou pelo tapete vermelho do American Music Awards , no último dia 19,  e estava absolutamente encantador. O canadense de dezenove anos conversou com a Billboard sobre os planos para o futuro e o que todos podemos esperar dessa nova fase de sua carreira.

Shawn esteve viajando com a “Illuminate World Tour” e viveu momentos inesquecíveis. Um de seus favoritos foi quando teve a oportunidade de performar ao lado do cantor e compositor John Mayer, de quem Mendes é um grande fã.  Shawn contou para a  Billboard: “Ele é a pessoa mais legal do mundo e estava tão calmo enquanto eu praticamente surtava. Ele ficava tipo ‘Vai ficar tudo bem!’”

A parceria ao vivo deu tão certo que pode ter estimulado os dois astros a colaborar. Sobre a chance de gravar um feat com John, Shawn explicou: “Nós nos tornamos grandes amigos, então é possível que aconteça.”

Shawn também mencionou que definitivamente existem algumas outras colaborações à caminho. Trabalhando em seu terceiro álbum, ele garantiu que valerá a pena esperar.

Fonte | Tradução e Adaptação: Conexão Shawn Mendes

Nenhum Comentário
SHAWN MENDES REVELA DESEJO DE CONQUISTAR PÚBLICOS MAIORES
06
dez
postado por
Categoria
Entrevista

Shawn Mendes teve um grande ano. Em turnê  pelo mundo, o cantor lançou o hit “There’s Nothing Holdin’ Me Back,” e se consagrou o primeiro artista com menos de 20 anos a ter três músicas ocupando o primeiro lugar nas paradas de pop adulto da Billboard.

Agora, Mendes já está focado em 2018 e tem grandes planos em mente, incluindo um novo disco a ser lançado.

“No próximo ano, eu quero participar de diversos festivais e me apresentar para grandes platéias”, disse ele nos bastidores do American Music Awards.  “Espero escrever músicas capazes de tocar ainda mais pessoas. ”

O cantor canadense já lotou um Rock in Rio quando performou para milhares de pessoas no Brasil, o que pode ser considerada uma preparação para se apresentar diante deste tipo de público.

Dono de hits como “Treat You Better”, Shawn já acumula diversos feitos em sua consideravelmente curta carreira, criando um nome de peso para si proprio com apenas dezenove anos. “A música é, definitivamente, algo capaz de atingir e unir várias pessoas”, acrescentou ele sobre ser um músico.

Fonte | Tradução e Adaptação: Conexão Shawn Mendes

Nenhum Comentário
Em entrevista à revista Clash Music, Shawn Mendes fala sobre sua relação com os fãs, Ariana Grande e mais
07
set
postado por
Categoria
Entrevista

“Música é algo que vale muito mais do que podemos compreender…”.

 

A “Illuminate World Tour”, somente em 2017, já passou por mais de 40 cidades. Em sua parada em Londres, Shawn Mendes concedeu uma entrevista à revista Clash Music. Intitulada “Glow Your Own Way: Shawn Mendes Interviewed”, a entrevista traz depoimentos do cantor sobre sua relação com os fãs, Ariana Grande, a pressão da fama, inspirações e projetos que vão além da música, além de claro, fotos de tirar o fôlego.

“Eu nunca me senti tão afetado por algo em minha vida”, Shawn suspira ao falar sobre a tragédia que aconteceu no lado de fora da arena em que a cantora Ariana Grande se apresentava em maio deste ano, arena na qual, ele também se apresentou em Abril desse ano. “Eu acho que o que acontece é que você não percebe o quão perto está de todas essas garotas e de todos esses garotos. Você os abraça todos os dias – centenas de pessoas, todos os dias – é meio que um “entra e sai”, mas naquela noite inteira eu não pude dormir; Toda vez que fechava meus olhos, eu via a multidão. Foi muito triste. Não desmerecendo ter sido no show da Ariana, mas é algo que poderia ter acontecido em qualquer show de qualquer artista e isso abalou a estrutura. Foi realmente perturbador. Eu me senti impotente – todos nós nos sentimos.”

Na época, em um de seus shows, logo após a tragédia, Shawn dedicou um momento as vítimas em um tributo emocionante. Você pode conferir aqui: 

Sobre isso, Shawn frisa na entrevista: “Pessoas que possuem uma voz e que são ouvidas por muitas pessoas, precisam mostrar força, poder. Precisamos mostrar que não estamos com medo, por isso, vocês não devem temer, também. Havia uma parte de mim que queria cancelar a turnê e voar para casa. Estava no telefone com a minha mãe e ela estava pronta para me conseguir um voo para casa imediatamente, porém, há uma parte de você que diz ‘Escuta, isso significa que eles venceram’ então você deve se impor e ser um exemplo.”

Ele finaliza esse assunto dizendo-se encorajado pela força demonstrada por Ariana e, também, pelos jovens fãs da música ao redor do mundo. Eles são aliados poderosos e Shawn não estaria aqui hoje sem eles.

“Ah, cara, eu tive tanta sorte”, ele sorri. “Isso não acontece. Artistas não agregam um grande número de fãs antes de lançar ao menos uma música. Eu tive um apoio imenso desde o meu primeiro single lançado… e é dessa confiança que você precisa para começar como ninguém mais começou.”

Shawn continua falando sobre o quanto se identifica com o seu público:

“Eu acho que as pessoas veem as adolescentes e os fãs e pensam que são apenas histéricos e loucos, quando, na verdade, são pessoas realmente inteligentes e carinhosas. Pessoas reais.” Diz ele quando perguntado sobre como seus fãs o inspiram. “Eles vêm até mim e falam do impacto que minhas letras tiveram em suas vidas, de maneiras diferentes. Isso me faz parar e analisar o quão grande é o que eu faço. A música é algo que vale muito mais do que você pode entender.”

Sobre a pressão que a fama traz, Shawn desabafa: “Às vezes você apenas não quer dizer nada e ficar quieto, tipo, ‘Eu não quero ser Shawn Mendes hoje’, você me entende?”. Ele completa dizendo “Com um grande poder, surgem grandes responsabilidades”. Tendo milhões de seguidores, ele está seguro e bem consigo mesmo diante da posição de influenciador. “Já existe muita negatividade nas redes sociais, então, tudo o que eu posto, será positivo. Mesmo que eu pense em algo de uma maneira negativa, não há necessidade de expor isso.”

Essa convicção se estende para a sua música. Por exemplo, ele toca em assuntos relacionados à saúde mental em sua estreia – ‘A Little Too Much’ (“provavelmente a música mais comentada entre meus fãs”) e oferece segurança para as pessoas que lutam com problemas pessoais opressivos. Talvez mais conhecido, o vídeo de ‘Treat You Better’ , traz referências ao abuso domésticos e é seguido por detalhes de contato da National Domestic Violence Hotline (http://www.thehotline.org/).


Ele se sente confortável abordando assuntos tão delicados tão diretamente?

“Acho que confortável não é a palavra. A palavra é muito desconfortável,” ele declara. “Mas se eu não o fizesse, ficaria com um mau serviço. Aquele clipe tem um bilhão de visualizações… O fato de eu ter sido capaz de fazer algo do tipo, tão facilmente, é incrível. Enquanto eu tiver a habilidade de fazer algo do tipo, eu farei, não importa o que. Acredito ser muito importante. Companhias pagam milhões de dólares para atingir 50 milhões de pessoas. Eu não paguei nada e atingi um bilhão. Isso é maravilhoso.”

Sabedoria vem da experiência e o amadurecimento de Shawn é visível. Ele, de prontidão, admitiu não identificar-se mais com o garoto que já cantou ‘Kid In Love’, mas tudo bem; evolução é a chave da sobrevivência e ele não demonstra nenhum sinal de retrocesso. “Eu, definitivamente, sei que tenho um longo caminho pela frente. Tanto em minha vida quanto em minha carreira” ele afirma. “Sou diferente do que era há cinco meses. Sinto as mudanças em minha vida acontecendo de forma rápida”.

Ele espera totalmente animado pelas consequências que podem vir com as mudanças – envelhecer, ele sugere, pode trazer muitas novas histórias: “No dia em que eu puder escrever sobre minha namorada, pela qual estarei muito apaixonado – por que eu, de verdade, nunca estive realmente apaixonado, não sei qual o tipo de música que sairá. Será, de fato, um material novo que eu jamais esperaria ter escrito,” ele sorri. “E o dia no qual meu coração partir pela primeira vez, será outro material, e o dia no qual eu tiver um filho… É sobre um constante crescimento.”

Fora da música, ele também aproveita novas oportunidades. Ao ser questionado sobre uma possível carreira de ator, ele acrescenta: “Atuar, para mim, seria 10 vezes pior do que cantar, por alguma razão,” ele diz, apesar de se apresentar para plateias com mais de 20.000 pessoas. “É, mas as 20.000 pessoas estão me assistindo. Não me assistindo sendo outro alguém, o que é difícil,” ele ri.

Não tem jeito, é a música, seu primeiro amor, ao que ele permanece fiel e focado. E ele já nos dá dicas sobre a transformação que seu novo lançamento trará. “Ah, cara, a vibe do álbum 3 já está clara para mim,” ele tweetou em junho. Pressionado pela Clash, ele se entusiasma ao falar de sua experiência recente em um show da banda Kings Of Leon e confessa que seu novo trabalho terá influências de pop urbano e uma pitada de rock distintamente épica.

Ele finaliza dizendo: “Quero criar hinos para as pessoas. Quero criar hinos para grandes momentos da vida das pessoas,” ele se anima. “Não quero tocar minha música por alguns meses e, então, desaparecer. E não é só isso. Quero fazer coisas incríveis que façam a diferença, também. Acredito que não se resume a música que você lança, é sobre o que você faz enquanto faz música.”

A revista cita o altruísmo de Shawn como algo inspirador e faz uma última pergunta para o jovem cantor.

Por que é tão importante para você?

“Não acredito que seja comum que as pessoas tenham a oportunidade de fazer isso, e eu tenho a oportunidade de tocar milhões de pessoas. Seria ridículo se eu não o fizesse.” “A música é maior do que eu,” ele afirma, “e eu continuarei fazendo música por esse motivo.”

Palavras: Simon Harper
Fotografia: Paul Phung
Moda: Vincent Levy
Direção Criativa: Rob Meyers

Tradução e Adaptação: Conexão Shawn Mendes ©

Nenhum Comentário
Paper Magazine: Shawn Mendes quer que você saiba quem ele realmente é
05
set
postado por
Categoria
Entrevista

Como o companheiro canadense Justin Bieber, Shawn Mendes lançou sua carreira postando covers de música online.

O cantor de 19 anos já percorreu um longo caminho, atualmente se apresentando em sua segunda turnê mundial, quando sua música “There’s Nothing Holdin’ Me Back” recentemente atingiu o número 1, tornando-se uma das cinco pessoas a ter dois números 1 antes dos 20 anos de idade.

Comparando seu primeiro e último show, como você nota o crescimento durante esse tempo?

É um mundo de diferença, com 90% sendo sobre o quanto eu me sinto confiante no palco. Confiança é tudo quando o assunto é se apresentar, então, quanto mais confiante você se torna, mais animado você fica no palco e mais envolvidas as pessoas ficam. Quando eu relembro os shows, penso sobre o quão bem produzidos eles são, a música soa muito bem, minha voz soa bem, mas agora eu relembro o show que fiz ontem e existe uma mágica adicionada a ele. A verdade é, já toquei 500 shows até agora, e é por isso que é um bom show, não é devido a boa produção , boa iluminação, bom setlist – é a pura experiência atrás disso.

 

Jaqueta e camisa de Off-White e Virgil Abloh | Foto por Jimmy Marble

Jaqueta e Calça de Ports 1961 | Foto por Jimmy Marble

Camisa e Calça de Burberry e Jaqueta de Paul Smith | Foto por Jimmy Marble

Camisa e Calça de Burberry e Jaqueta de Paul Smith | Foto por Jimmy Marble

Como seus objetivos crescem?

Para mim (meus objetivos crescem) à medida que escrevo ou apresento músicas, diante da minha personalidade e a maneira que eu lido com os negócios, ou a maneira com a qual fico obcecado com esses assuntos em qualquer momento. Quanto mais as turnês se tornam maiores, eu fico muito mais obcecado em ter a certeza de que os shows estejam bons o suficiente para estarem no palco de uma arena. Você me entende?

Sim. Você acha que isso vem com o crescimento artístico ou pessoal?

Acredito que com um pouco dos dois e muita confiança. Com mais popularidade, há a pressão, de um modo bom, que te faz querer ser muito melhor, e eu acho que é isso o que está acontecendo comigo. Você sabe, sinto que quanto mais as pessoas conhecem a mim e ao meu nome, eu fico pressionado, de um modo bom, também, a dar o meu melhor em minhas apresentações ao vivo.

Sim, eu entendo totalmente. Se você está se apresentando nesses “palcos dos sonhos”, qual o próximo sonho?

Isso nunca pode acabar, me entende? O sonho só cresce e amadurece, cresce e amadurece, cresce e amadurece e quando você acha que já cresceu e amadureceu o suficiente, não é bem assim – não apenas na música, mas de qualquer coisa. Não há pico e isso é muito legal.

Você encontrou mais confiança ao longo do caminho?

Muita! Mesmo agora, embora eu perca por alguns shows e leve alguns para recuperá-la e voltar a ser o que eu era.

O fato de você ter tido seu início no Vine e em outras plataformas sociais te ajudou a lançar sua música ou foi mais um obstáculo? Seu início nas mídias sociais parece ser sua sina – isso te incomoda?

Eu, honestamente, apenas ignoro isso. Mas no final do dia, se as pessoas forem ao meu show, elas sairão sabendo que eu sou um músico real e que eu escrevo minha própria música mas se tem uma coisa que aprendi é que as pessoas não saberão, de fato, quem você é em três anos. Leva tempo, sabe? As pessoas que eu aspiro ser estão na indústria por dez ou quinze anos. Você não pode acelerar esse processo do que as pessoas pensam sobre você e sobre o que elas pensam quando escutam seu nome. É algo que acontecerá naturalmente.

Como você encontra o equilíbrio entre o Shawn Mendes pessoal e o profissional, tentando entender o quanto compartilhar com os fas. Tem uma diferença?

Eu penso que é como você faria em qualquer trabalho. Isso é mais confuso porque é mais pessoal que um trabalho, mas na verdade não é. Qualquer coisa que você pensa que poderia ser socialmente inapropriado ou socialmente errado de dizer porque você não conhece a pessoa por dois ou três anos, não diga. Eu acho que é mais simples do que as pessoas esperam que seja, mas tendo dito isso, eu conheço os meus fãs por dois ou três anos, então o que as pessoas veem online são de quem não me conhece bem. Meus fãs me conhecem melhor porque eles estiveram em shows e eles me veem depois do show e conversamos. Então é uma coisa confusa de falar sobre porque há tantos fãs que me conhecem melhor porque eles prestam atenção em mais do que está apenas na sua frente. Eu acho que o que eu quero dizer é que eu não digo nada que eu não deveria pra uma pessoa que acabei de conhecer, mas eu tambem não tenho medo de ser eu mesmo.

Uma coisa que você escuta de vários artistas, hoje em dia,  é que graças a mídia social os fãs hoje em dia não querem idolatrar músicos, eles querem ser seus amigos e eles os veem de uma forma totalmente diferente. Você notou isso?

Eu acho que sim e não. Eu acho que concordo com essa declaração e ao mesmo tempo não. Bom, porque pra mim eu vejo (meu relacionamento com meus fãs) como uma coisa de irmão mais velho, onde ele é seu irmão mais velho que é capitão do time de futebol mas ele é alguém que você você admira, pede por conselhos e presta atenção. Mas ele também é seu irmão ao mesmo tempo e eu acho que isso é o melhor dos dois mundos. Eu sei que todos eles admiram o que eu digo, e eu tento ser um ótimo modelo. Eles verdadeiramente apreciam o que eu sigo e o que eu faço, mas ao mesmo tempo eles lembram que eu sou humano e sou apenas um cara, e isso é bem legal.

Essa responsabilidade é estressante?

Eu entrei na industria de cabeça quando eu tinha 15 anos, então é bem natural ser honesto. Eu gosto de estar disponível para ser um exemplo para as pessoas, principalmente crianças menores.

Você é capaz de estar cercado por pessoas da sua própria idade?

Sim, com certeza. Todo o tempo eu estou cercado por pessoas da minha idade que estão completamente no mesmo nível de pensamento que eu e não são cantores famosos ou atletas famosos. Eu acho que isso mostra que não é sobre sair com adultos porque você é maturo.

Tem alguma experiência de vida que seus amigos estão passando que você gostaria de estar passando também?

Eu acho que seria legal ligar um botão invisível e ir ao bar com meus amigos e apenas relaxar. Dito isso, pelo outro lado, eu também vou a bares em Londres com amigos e se tiverem pessoas que querem tirar fotos ao longo do caminho, está tudo bem porque estamos na Inglaterra e isso nao estaria acontecendo se nao fosse por isso.

 

Entrevista de Ian Monroe (Paper Magazine)

Fotografia de Jimmy Marble

Styling de Julianna McCandless

Grooming por Ryan Taniguchi

Assistente de estilista: Hollis Patton

Localização: Forge Studio

Tradução: Conexão Shawn Mendes ©

Nenhum Comentário
Shawn Mendes se apresentará no “The Graham Norton Show”
08
jun
postado por
Categoria
Apresentações

Para divulgar seu mais novo single, Shawn Mendes realizará sua primeira performance de “There’s Nothing Holdin’ Me Back” na TV, a apresentação ocorrerá no programa “The Graham Norton Show” apresentado por Graham Norton, que deve ir ao ar na próxima sexta-feira, 09 de junho, às 18:35 no horário de Brasília.

Além de cantar, Shawn deve sentar para bater um papo com o apresentador e os outros convidados do programa, a estrela de boxe britânico e campeão mundial do peso pesado do mundo, Anthony Joshua, e a atriz Rachel Weisz.

Confira a chamada do programa:

 

 

Nenhum Comentário
Entrevista de Shawn para Cosmopolitan Japão
25
mar
postado por
Categoria
Entrevista

Shawn está no Japão para realizar dois shows, ambos no POPSPRING, o primeiro deles foi hoje (25) em Tóquio e o outro será amanhã (26) em Kobe. Durante seus dias livres, Mendes concedeu uma entrevista à Cosmopolitan Japão, confira:

– Qual foi sua sensação em voltar ao Japão em menos de um mês desde sua última visita ao país?

Estou muito feliz em estar de volta! Eu me sinto muito confortável dessa vez. Foi familiar para muitos fãs que vieram ao hotel ontem e todos são muito gentis.

– Tem algum lugar que você gosta de visitar no Japão desta vez?

Onde vai acontecer o show no segundo dia do “POPSPRING 2017”? Kobe? Eu estou indo para lá de trem bala mas estou muito animado para isso e espero ver um Japão mais antigo.

– Existem lugares tradicionais em Tóquio como Asakusa, mas você está planejando visitar?

Sim, eu fui ver. É lindo. É tão grande e enorme” (Entrevistador: Espere, você não acha que é sobre Meiji Shrine?) Sim, eu achei que era sobre Meiji Shrine… Está certo, nunca fui para Asakusa, tenho que visitar!

–  Me fale sobre a gravação em Shinjuku!

Eu estava filmando para um programa da MTV. O programa será exibido no verão. De repente eu fui para a estação, tocando o violão e cantando foi muito impulsivo, mas como cinquenta fãs vieram do nada, foi muito divertido. Não consegui ganhar fichas… (risadas)

– Qual o primeira evento POPSPRING 2017 no Japão desta vez?

Eu acho que vai ser muito animado ao vivo. Apesar de que os artistas que aparecem estarem no centro da música pop, eu vou me apresentar com um violão no começo da set list! Deixar os fãs cantarem junto. Eu quero fazer um show ao vivo que faça todos que vierem para escutar parecer nunca terem cantado tão alto na vida.

– No showcase na última visita ao Japão, você pediu para os fãs cantarem junto. Você gosta que cantem junto?

É isso mesmo! Fãs japoneses se concentram em escutar ao vivo, mas para mim, a graça do ao vivo é um sentimento de união. Em ter a plateia cantando e curtindo o lugar junto, eu posso sentir o significado da minha performance

– Qual sua base atual?

Na verdade, eu ainda moro com meus pais no Canadá. É uma cidade muito pequena chamada Pickering, fica há mais um menos uma hora de Toronto. Mas eu acho que vou me mudar para Toronto em Outubro desse ano. Porque eu amo o Canadá, eu não planejo em mudar minha base para os EUA no momento!

– Celebridades com que se sente mais confortável em ter entre seus amigos?

Estou me tornando um grande amigo de Niall Horan da One Direction. Somos bons amigos, então seria legal colaborarmos algum dia! Também eu e Camila Cabello somos bons amigos, ela é uma garota muito legal

– Eu acho que você participou de shows da Taylor Swift anteriormente, mas qual foi a influência dela?

O show da Taylor é ótimo, tudo é ótimo, e ela é muito trabalhadora. Apesar de eu me apresentar no palco todo dia, eu fazia algo um pouco diferente á cada tarde. Normalmente, se você se torna muito famoso, você talvez não ache que precisa trabalhar duro mais, mas Taylor faz mais esforços que todos e eu acho que é por isso que ela tem tanto sucesso

– Qual a música de “Illuminate” que você mais gosta?

Provavelmente “Three Empty Words”. É uma música que eu escrevi sobre ter terminado com minha ex-namorada mas eu estava em bons termos com ela. Claro que há muitas outras (risos)

– Algo mais que você gostaria de tentar além de música?

Eu gostaria de tentar atuar mais. Eu gostaria de viajar, gostaria de trabalhar com caridade enquanto vejo o mundo com meus próprios olhos. Eu não tenho tempo no momento, mas gostaria que trabalhar com caridade se eu tiver férias por longos anos. Eu acho que seria lindo se eu pudesse ir para a África e construir uma escola

– Entre os artistas do mundo, como Ed Sheeran e Taylor Swift, o estilo que faz a nitidez do trabalho e férias populares, pensando em férias como as deles?

Possivelmente é um número limitado de artistas que podem fazer isso. Especialmente porque Ed e Taylor são os artistas mais famosos do mundo, é possível que se seja esquecido se tiver férias com um ano se isso for normal. Mas eu não acho que vou tirar férias em breve.

– Eu gostaria de escutar o recurso especial “Cosmopolitan’s work ‘Life is Work and Romance”, mas o que você acha que atividades de artista e compatibilidade entre a vida privada? É difícil balancear?

Eu não sei. Não tentei ainda (risos). Mas eu acho que é difícil. Porque você acha uma pessoa que você acha que pode abrir um relacionamento, ou você deve esconder na mídia ou não. Mas isso é impossível, é a minha vida. Eu não lidei com esse problema ainda pois não tenho uma namorada, mas consigo imaginar sendo difícil. É difícil manter um segredo, eu acho que sempre perguntarão sobre ela em entrevistas. Mas existem muitos casais que não são públicos na industria do entretenimento, então eu tenho que perguntar para eles como eles fazem! (Risos)

– Se você pudesse ter uma amada, que tipo de surpresa faria para agradar ela?

Claro! Felizmente, tenho dinheiro o suficiente para viajar e sair e nos divertir. Por exemplo, de repente eu vou para casa e surpreender no meio de uma turnê, ou levá-la para uma viagem… Embora isso dependa do gosto da pessoa.

– Qual tipo de impressão você tem das mulheres japonesas?

Mulheres no Japão são muito doces e educadas. Nos EUA, as garotas correm atrás de mim e de repente estão agarrando minha camisa, mas no Japão perguntas se podem tirar fotos antes. Perguntam antes se posso tirar a foto (risos). Talvez isso seja algo natural da cultura Japonesa, mas é lindo.

Nenhum Comentário
Hailey Baldwin diz ser fã de Shawn Mendes
21
mar
postado por
Categoria
Entrevista

Shawn vêm cada dia mais conquistando o coração de todos com suas letras emocionantes, melodias únicas e vocais impecavéis.

Recentemente, em entrevista à LOVE Magazine, a modelo Hailey Baldwin disse ser uma grande fã do cantor! Confira:

LOVE: De quem você é uma grande fã?
HAILEY: Shawn Mendes
LOVE: Desde quando?
HAILEY: Recentemente
LOVE: Qual foi a primeira coisa que te atraiu?
HAILEY: A música dele
LOVE: Qual a sua coisa favorita sobre ele?
HAILEY: Ele é a reencarnação de John Mayer
LOVE: Item de fã favorito
HAILEY: Não tenho nada… ainda
LOVE: Como ele influenciou sua vida?
HAILEY: Ele mudou todo meu mundo para melhor!

Se até essa linda não resistiu ao talento de Shawn, quem somos nós pra resistir, né?! <3

Nenhum Comentário
Estilista de Shawn fala sobre seu estilo para Billboard
06
mar
postado por
Categoria
Entrevista

Para o iHeartRadio Music Awards 2017, o cantor pop e estrela da capa da Billboard, Shawn Mendes, usou um terno preto floral fresco da coleção de Outono de 2017 da Armani. “Ele amou imediatamente,” diz sua estilista de longa data Tifanny Briseno. “Isso me recordou da minha antiga obsessão, ‘Diga Sim ao Vestido’, onde a noiva imediatamente ama o vestido que experimenta. É tipo onde você vai quando o terno é tão espetacular? É claramente o vencedor. Billboard falou exclusivamente com Briseno, que no momento está na França para a Semana de Moda em Paris, para aprender mais da cabeça aos pés sobre o look do cantor de “Mercy”.

Você têm trabalhando com Shawn desde seu vídeo de “Stitches” em 2015. Agora que já se passaram dois anos, por que você acha que ambos trabalham tão bem juntos?
Minha relação com Shawn é muito boa. É um prazer trabalhar com ele pois ele é muito educado, humilde e pé no chão e me deixa fazer meu trabalho. Confiamos um no outro, e isso nos permite ficar em sincronia. Ter um cliente assim como estilista permite infinita possibilidades e eu estou animada para ver onde podemos ir.

Como você descreveria o estilo de Shawn?
Shawn é um cara acessível, e é daí onde eu realmente tiro minha inspiração. Ele favorece uma paleta neutra, e eu acho que é um pano de fundo perfeito para essa abordagem acolhedora que ele tem. Com moda masculina, é mais sobre combinar peças, mais do que moda feminina. Não é necessariamente sobre cor, mas sim o ajuste, a textura, a fabricação de algo, ou a maneira que você usa. Shawn tem esta maneira de usar sob o seu radar, o estilo de todos os dias – como jeans e uma t-shirt – e fazendo parecer especial novamente.

Como funciona as provas de roupas entre vocês dois?
A maioria de nossas provas de roupa acontecem em sua casa em Pickering, Ontário, Canadá. Começa com minha equipe e eu desembarcando montes de roupas em sua casa, o que às vezes confunde os vizinhos que acham que estamos apresentando um pop-up shop. Quando entramos, Shawn tem uma playlist incrível — de Chance the Rapper à John Mayer — tocando. Eu tenho alguns looks que preparei para ele, então ele os experimenta, e me deixa saber o que gostou, o que não gostou, etc. Mas parece que estamos apenas saindo para curtir.

Qual a diferença entre preparar um look para um tapete vermelho versus uma performance?
Com performances, você está constantemente se movimentando, então você quer o tecido e o ajuste e a elasticidade ou respirabilidade. Na maioria das vezes você não vê Shawn usando um blazer quando está se apresentando. Ele usa um típico anel, mas pulseiras e coisas desse tipo estão fora de cogitação. Ele é um cara jovem (18 anos) e eu quero que seu estilo cresça organicamente em pequenos incrementos. E Eu acho que essa é a chave fundamental para permitir que sua genuinidade brilhe.

Então, o que Shawn estará vestindo esta noite no iHeartRadio Music Awards 2017?
Shawn está vestido em um terno slim-fit de brocado preto com detalhes florais dem prata da coleção de de Outono 2017 da Armani. Quando ele experimentou, foi como se a peça tivesse sido conceitualizada para ele. É surreal. Fiel ao estilo de Shawn, nós combinamos com um denim escuro e justo, uma camisa com gola preta bem costurada e botas de couro preto Chelsea, todas da Armani. Não é um estilo exagerado, porque ainda tem que sentir genuíno para ele. Você nunca quer que seja as roupas vestindo a celebridade; o talento tem que estar vestindo as peças.

 

Traduzido de: Shawn Mendes’ Stylist Breaks Down his iHeartRadio Music Awards Look: Exclusive

 

Nenhum Comentário
12
 
Tema por Gabriela Gomes Conexão Shawn Mendes • Hosted by Flaunt